quinta-feira, 8 de julho de 2010

Belinha, Cocker super dócil.


Belinha, linda Cocker. Dócil.
Essa é a Belinha uma cocker preta que no seu primeiro cio foi abandonada amarrada em um poste. Foi resgatada pela minha irmã Claudia em 11/04/2010 na Vila Prudente. Ela é muito meiga, docíl e adora criança, é medrosa quando não conhece a pessoa, mas logo se acostuma e pede carinho. Por conta do abandono tem medo de ficar sozinha, quer ficar sempre onde tem alguém, nos dando muito amor e carinho. Procuramos uma pessoa que entenda o trauma que ela passou e a trate com muita paciência e amor. Levamos ao veterinário e sua saúde está perfeita, já está com a vacina e castração agendada. O adotante passará por entrevista e assinará termo de posse responsável.
(Foi adotada em 30/04 e agora, devolvida. Que amor de adotante, não? Meu comentário: Carmen Vallet)
E mails: cassiafanacleto@yahoo.com.br
ou clau_anacleto@hotmail.com
Fones: (11)8835-7483 ou 8407-0129

Flor (muito dócil e linda) URGENTE


* Cristiane (São Paulo)
Pelo Amor de Deus, vão sacrificar a Flor só pq ninguém da atenção para ela, ela é linda e muito dócil. A Cristiane esta tentando ajuda-la, relarou que ela passa fome, só a alimentam uma vez por semana! Por favor alguém pode dar um lar temporário a ela??? "Eu sei que vc já está esgotada de tanta maldade e sobre carregada com seus ajinhos, mais preciso muito que divulguem essa linda para o maior número de pessoas. Fiquei sabendo ontem através de um amigo meu que o pai da namorada dele agendou a eutanazia da cachorra deles, linda de 7 anos, pois ninguem cuida dela. Ela vive pois a esposa ainda coloca comida 1 vez por semana. Não posso resgata-la mais tambem não posso deixar que uma atrocidade dessa aconteça. Peço, ou melhor imploro caso alguem possa ficar com ela que entre em contato, pois um ser que não fez nada a ninguem a não ser ter dado amor e ter sido fiel todos esses anos acabe dessa forma. Ela é meiga e medrosa acredito pelos maus tratos. Sempre ouvi e li histórias como essa mas lá no fundo gostaria de acreditar que não fosse verdade, mais é. Não sei mais o que fazer já tentei convenser a nomorada dele a não deixar mais parece que ninguem se importa com ela. Só peço que por favor divulguem para o maior número de pessoas. Muito obrigada mesmo. E que Deus abençoe voçês e como eu disse pra namorada dele, que essas pessoas sempre tenham saude e se um dia faltar que eles sintam a dor do abandono da dor e da fome na pele." (Soraia)
Tels.: (11)7053-3252 ou 2227-8410 (este no horário comercial)
E mails:soraia.rodrigues@itau-unibanco.com.br
ghatyh@yahoo.com.br